Revolta dos machos e dos adeptos dessa atividade há tempos perdida


“Mais da metade das mulheres sente mais atração por homens com algum tipo de barba. O resultado é de uma pesquisa realizada na Inglaterra por um site especializado em celebridades. Cinquenta e quatro por cento das entrevistadas foram categóricas ao afirmar que preferem os barbados, pois eles demonstram mais masculinidade.”
Pronto, para todos os agourentos, os de pele delicadinha, as mulheres frustradas e os que têm a infelicidade de poucos hormônios, é categórica a decisão: elas preferem os homens de barba. Se você, leitora, não gosta de uma bela cara barbada, saiba que você é uma minoria (e muito antipática, diga-se de passagem).
Homens de barba inspiram confiança, seriedade, sabedoria, macheza, sisudez e virilidade. Os sujeitos mais notáveis que já existiram, uma hora ou outra, cultivaram pelos faciais. Não preciso nem dizer dos grandes, como Marx, Niestzsche e os seus coleguinhas mais antigos. Mas dignos de nota são Sir Ian Mckellen, Ian Anderson, John Bonham e Alan Moore. Qual é o sentimento que se tem ao observar um cara desses? Ingenuidade? Incerteza? Fanfarronice? Não, não, amigos, é o extremo oposto.
Segundo a Wikipédia, incontestável fonte de dados, aos homens com barba têm sido atribuídas, ao longo da história de diferentes culturas do mundo, sabedoria, potência sexual e status social. Pois é, mas não é qualquer um que tem a inata capacidade de portar uma barba, alguns ficam mais como tolos do que elegantes. Por isso mesmo não se pode dizer que todas as barbas indicam potência sexual, mas já fique sabendo que, um homem a quem a barba adere com perfeição, é um cavalo cavalheiro em potencial.
Nos escritos de Tolkien, os anões (que têm barbas do tamanho das metades dos seus corpos) sempre se saúdam com algo como “que sua barba jamais deixe de crescer!” ou “que sua barba nunca seja rala!”. Essas sim são excelentes saudações...
Ela é o grito desesperado do cromossomo ípsilon, tão sufocado pela era moderna, pela vaidade, pelos falsos preceitos de higiene e, principalmente, pelo mentiroso conceito de que as mulheres gostam mais das peles lisas. Todas essas histórias são invenções de intelectuais em nada andrógenos e muito mal intencionados. Que suas barbas sejam ainda mais e ralas e deixem de crescer por completo!
A barba é como se fosse um fardo, um símbolo das durezas do mundo, uma marca de seriedade e um espólio de guerra. Cortar o rosto com o propósito de exterminá-la é um ato alegórico de desistência, sucumbência frente às impurezas do planeta. Resista, debata-se, esperneie, lute pelo seu direito irrevogável de conservar seus atributos naturais!

13 comentários:

  1. Esse post não foi muito feliz...
    Pelos não são higienicos, isso não é falso...
    A Wikipedia nunca foi e nunca será fonte incontestável de informação...
    E que as mulheres preferem homens barbados sempre foi um fato..

    Quer manter a barba, fique a vontade, mas cuide dela!
    Quer cortar a barba, corte!

    Faça o que te fizer sentir melhor, não vá pela cabeça dos outros! Macho que é macho, não se importa com o que os outros pensam... Pense nisso!

    ResponderExcluir
  2. Esse post não foi muito feliz...²

    Ter barba não é simbolo de masculinidade, seria ignorante alguem que pensasse assim..

    Mulheres gostam mesmo é de pegada e não de pêlos(barba)...

    ResponderExcluir
  3. Malditos comentários, mal consigo ver seus movimentos... XD

    well, eu não acho que haja uma inferência direta da barba em relacionamentos, bem, a pesquisa citada foi realizada na Europa, lá não existe gente sem barba ou com pouco pelo, então não é opção (XD), é simplismente falta de alternativa. Mas, só pra constar, eu acho barba um negócio FODA!

    ResponderExcluir
  4. barbas não sao feias. só quando ficam muito grandes !

    ResponderExcluir
  5. Já tive barba. Dá um trabalhão pra cuidar. Agora fico só com as costeletas.

    Acho que "Wikipedia, fonte incontestável de informações" foi irônico. Se não foi...

    ResponderExcluir
  6. O comentário sobre a wikipédia foi irônico, e isso é a obviedade das obviedades! kk

    As pessoas precisam de mais senso de humor e de mais atenção. Queria colocar um meme de FUUUU aqui toda vez que vejo coisas assim...

    ResponderExcluir
  7. kkk sinceramente, eu ri desse post, esse assunto me pegou de surpresa. Mas enfim, acho barba uma coisa bem legal, mas depende MUITO da pessoa. Por que tem certos homens que ficam ótimos com o rosto parecendo pele de bebê kk É uma coisa bem pessoal. Detalhe: acho barbas de pessoas como Marx bem "estranhas". são grandes demais!

    ResponderExcluir
  8. É sou bem antipática então, não q eu ache estranho ou nojento, só não sou muito fã, prefiro mais lisinha.

    ^^)

    ResponderExcluir
  9. E pêlo na mão, pode?

    ResponderExcluir
  10. Na minha opinião as barbas são realmente um atrativo. Não aquelas extremamente grandes obviamente, mas as bem cuidadas e com costeletas são um charme.

    ResponderExcluir
  11. hahaha depende onde da mão se for na palma da
    (como diz a lenda) deve ser bem engraçado e até imoral mas por fora não tem problema.

    ResponderExcluir
  12. então você tem barba ? eu não gosto de barba! sou uma minoria afinal a poucos homens que ficam bonitos ou aceitáveis de barba , não e culpa do modernismo que a barba não e sinônimo de beleza a e potencial e culpa dos fios rebeldes !

    ResponderExcluir
  13. Me dá tristeza comentários intelectualóides dizendo que "você não foi muito feliz ao argumentar..."

    Post fodástico, Marco. Escrita irônica e bem humorada! E adorei ver num único post referências a Ian Ander, Tolkien e Alan Moore.
    Parabéns!

    ResponderExcluir